segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Presságio.


Eu não sei porque, mas há algo me incomodando a dias e eu sei que isso é referente a você.
Só que eu não sei expressar o que eu sinto, muito menos o porque sinto.
O que posso dizer agora é que tenho certeza de que esse laço é pra sempre. Foi uma semente mal germinada que gerou uma raiz e que se manteve. Mesmo que gere eternamente um fruto podre, parece que vai ser pra sempre assim.

Estive lembrando de algumas brigas hoje, era estranho, e as vezes os argumentos vindos do outro lado da ponte pareciam incríveis. Se fossem duas pessoas normais não haveria se quer vontade de se dar bom dia um ao outro.

não sei ... isso é estranho.

Ter ouvido alguem dizendo uma palavra esses dias me deu uma revolta instantanea.
"aconteceu"

parece que me passou um filme na cabeça lembrando de todas as vezes que ouvi isso e me fiz de forte ou que fui muito mais do que fraco.

Eu não sei cara...eu realmente não sei. Por algumas experiências desse tempo, parece que fiz um bloqueio contra diversas coisas. Eu não quero servir como causador de acasos para a vida dos outros. Eu sei o quanto esse cara é odiado... eu odiei. E o incrivel é que odiei muita gente que poderia ter evitado ou se possivel se quer conhecido. Agora tenho raiva e sou objeto de alvo para raivas alheias tambem. Que se fodam esses...de minha parte não farei nada para que sejam tocados ao contrario do que desejavam fazer comigo naqueles tempos. Só digo isso pois acho estranho pensar nisso.

Hoje em dia odeio muito essa sombra do teu lado. Não sei se pode me entender, mas antes era algo apenas por fracasso de uma ambição, de um desejo sei lá... de um sentimento que não pode ter o resultado '' feliz " e desejado. Ao passar do tempo isso conseguiu passar aos poucos, mas nao completamente, mas ja se podia tentar imaginar que um dia iria passar.
Já agora com todos os acontecimentos nesses ultimos meses, não como perdoar. Vendo o que vi e ainda tendo de sair como o lado ruim da história... a coisas que não se pode entender... e se não se entende, não se perdoa. Mas nem sempre a pessoa certa é a que está certa e isso ajuda a ludibriar e ofuscar verdades.

Enfim, o foco é a saudade, o vazio que se forma a cada dia cada vez mais.
Sinto muito, mas muita saudades dos dias que podia dizer que mesmo triste era feliz. E bem, o final feliz só é um pressagio de uma tragédia.
Foi voce quem me ensinou.

Hoje em dia me deparo percebendo pessoas com algumas semelhanças com voce ao invés de perceber pessoas e sentimentos. Esse é um dos frutos que parecem germinar cada vez mais.

O acaso tem que ser muito odiado, não se faz algo que não se quer apenas para uma breve sensação. Tem muita coisa envolvida depois disso. Acho que por isso tenho ficado com medo de fazer coisas e pensado antes.

Foi voce quem me ensinou, só que fazendo ao contrário.
Certo que sinto saudades e que não busco te afetar, mas isso é um desabafo e com um pouco de tudo que tenho lembranças .

Esse é o presságio.



quarta-feira, 17 de outubro de 2012

6 months

Os próximos meses continuarão turbulentos. Consegui um emprego de 2º setor bem próximo do que eu queria para esse ramo. Passarei dias, tardes e noites no serviço, sem tempo para pensar, me concentrar em algo ou me iludir achando que as coisas vão mudar. Em troca, receberei um baixo salario, mas o suficiente, deixarei de lado amigos, pseudos amigos e conhecidos em prol de uma breve experiência.Entre estas se vão pessoas que me amavam, que me amam e as que dizem me amar enquanto eu sirvo de algum modo.
Eu fico chateado já que vou ficar muito tempo no trabalho e não terei tempo pra mim,mas é o que acontece quando não se é inteligente para matemática e não se escolhe estudar um ramo da tecnologia. Eu tenho a chance de fazer um teste e eu precisava muito testar isso.

Vou largar a faculdade nesses meses, e vou me focar apenas em ser um cara normal para os olhos da minha mãe.Pelo que já vivi, para ela bom filho é aquele que só trabalha e não o que estuda.  Mãe essa que aos poucos vai se definhando entre doenças e a idade. Eu já não poderia ficar em casa assistindo a isso, eu não sou de pedra. Ela se quer tem conseguido caminhar direito. Tem que fazer cirurgia disso, disso , daquilo e daquele outro também. Em breve sairei de casa.

Agora, disse que precisava me afastar da Gulnaz, e ela ficou chorando... eu nao entendi muito bem, não sei se falei mal em ingles ou se ela nao me entendeu. Talvez eu tenha sido um pouco duro tambem... não entendi o motivo, mas aquilo me fez chorar no meio da faculdade...
Eu havia enviado a mensagem e ela respondeu isso...


Эдуард(((а по скайпу мы не сможем говоить?
прости что долго не отвечала
так получилось
ты тоже не забывай меня пожалуйста((я не хочу тебя терять,пиши мне почаще

... loguei no skype e la estava ela chorando, falando um monte de coisas em russo... óbviamente nao entendi, mas dava pra entender o sentimento. Depois que expliquei ela pareceu feliz, conformada. Sei la.. parece meio estúpido isso mas essa ação me fez pensar em muita coisa que vou deixar pra trás... amigos de faculdade, amigos, e ... bem, eu vou manter contato. Não posso fazer igual o que fizeram comigo... o remorso não nasce do nada. Aos poucos entendo isso.



segunda-feira, 1 de outubro de 2012


faz tempo que me perdi.
tudo bem ficar pra tras quando se é a alavanca que ajuda outra pessoa a ir adiante.
Gostaria de saber como ela está agora, o que ela está sentindo, o que ela esta pensando. Seria o suficiente para que eu me sentisse feliz por um instante. Se eu pudesse olhar nos seus olhos novamente e pudesse falar o quanto a amo. Mas em nenhuma oportunidade até hoje, eu fui capaz. Não me importo com o que ouviria, desde que fosse sincero.

Nem que eu vivesse mil anos, eu conseguiria deixar de pensar em alguem que se quer percebeu que fez minha vida mudar. Eu gostaria muito de fazer algo, mas entre desejos e sonhos, eu me perco nessa horrivel realidade que me vejo.
é tão estranho não conseguir fazer o que todos fazem. Eu não quero mais respostas, elas só geram perguntas e dúvidas. Isso não me satisfaz.Nada me satisfaz.

Eu me sinto submerso em um poço, ao invés de crescer, diminuo diariamente.Eóaprendi a lamentar e desde então só isso faço. Enquanto eu for eu, o sentimento será esse.

Me pergunto se a outra pessoa se realiza a cada dia. Se já teve experiencias que marquem o inicio da fase adulta. Eu não me sinto um adulto em momentos como esse. Vivendo mascarado no dia-a-dia tal como um palhaço.

Um dia eu vou mostrar de alguma forma, toda a dor que suportei e todo amor que sinto. Mas antes preciso mostrar ao espelho alguem que não chora por ser um covarde idiota que sequer sabe se doar para alguem.

eu juro que um dia eu vou conseguir !
Eu prometo.